Cuidados com a região do pescoço!

Cuidados especiais para o pescoço… Você dá atenção suficiente para essa área?

A mulher contemporânea está cada vez mais atenciosa com os cuidados com a saúde. Ela utiliza vários tipos de cremes para várias partes do corpo. Mãos, pés, rosto e corpo estão protegidos, mas existe uma área que nem sempre recebe a atenção que merece: o pescoço.
É uma região muito sensível do nosso corpo e assim como o rosto e as mãos ajuda a revelar a idade da pessoa, além de estar mais suscetível ao envelhecimento por conta da exposição à poluição, radiação solar, etc.
Passada?
pescoco cuidados
Correndo atrás do prejuízo.
 
Eu particularmente estou tentando dar o mesmo tratamento que dou ao rosto, mas mentiria se dissesse que estendo exatamente todos os passos do rosto para o pescoço. O que pode está sendo um erro fatal pra mim!
favicon
tumblr_inline_nbvb30z3BR1rzvooa Produtos como tônicos e adstringentes devem ser passados no pescoço e colo por que essas áreas ficam tão expostas quanto o nosso rosto. Precisam da mesma necessidade de limpeza e desincruste.
 Otumblr_inline_nbvb30z3BR1rzvooa jeito de aplicar os cremes ativos deve ser feito associado com uma boa massagem ou drenagem facial. Isso estimula a produção de colágeno na região.
tumblr_inline_nbvb30z3BR1rzvooa Evite banhos quentes que queimam e abrem os poros por serem estimulados a expulsar mais oleosidade.
tumblr_inline_nbvb30z3BR1rzvooa Se você tem alergia a jóias ou bijuterias, evite-as. Pois as inflamações causadas podem se transformar em manchas na região.
tumblr_inline_nbvb30z3BR1rzvooa Esfoliantes, Clarissonic, máscaras, drenagens, tônicos, cremes de tratamentos ou preventivos, proteção constante contra os raios UV e todos os produtos que sejam usados na face devem descer até pescoço. Esse tipo de procedimento ajuda a manter a pele saudável e hidrata.
Além de vaidade e aparência, cuidar da pele é fundamental para a saúde e qualidade de vida.
Beijos.

Compartilhe

Postado por:

Comentários

0

Poros Dilatados: O que fazer?

Oi, oi,oi!

Mais frequente em quem tem a pele oleosa, os poros dilatados podem ser tratados com hábitos simples, como uma limpeza de pele a cada 15 dias, lavar a pele com sabonete, usar adstringente, fazer esfoliação e passar loções específicas na área.

caacp1

Sua hereditariedade e tipo de pele pode ser parte da razão para o aparecimento de poros dilatados.

Pessoas com pele seca tendem a ter poros menores, enquanto as pessoas com pele oleosa costumam ter poros maiores.

A limpeza regular e a hidratação adequada – até mesmo a pele oleosa precisa de umidade – irá reduzir a aparência dos poros dilatados.

manchas_pele1_123111104022812

Um limpador facial que contenha ácido glicólico e ácido salicílico vai ajudar a desobstruir os poros. Escolha um sabonete suave para uso diário e lave o rosto com ele de manhã e de noite.

Tônicos e adstringentes são ótimos para limpar qualquer resíduo que não foi removido pelo sabonete.

Ser cuidadosa em manter a sua face limpa é o número um para o caminho a fim de reduzir a aparência de poros dilatados, uma vez que os mantém desobstruídos e sem excesso de oleosidade.

tônico-facial

Se você usar maquiagem diariamente, escolha uma fórmula livre de óleo. Note que se sua base afunda em seus poros, eles pareceram maiores. Uma solução fácil é aplicar um primer no rosto antes de começar a maquiagem, antes da base. Isso lhe dá uma superfície lisa e evita que a maquiagem se acumule nos poros e rugas.

Primer - Nacionais

Quem tem poros dilatados sabe a importância de escolher os produtos adequados para disfarçar essas pequenas imperfeições e manter a pele sempre hidratada, o legal é  testar qual será o mais apropriado pra você particularmente. Hoje em dia temos vários produtos com versão oil free.

Pele oleosa não quer dizer pele hidratada! Ela não dispensa o uso de um bom gel hidratante, principalmente em climas mais secos.

127

Uma dica é observar as funções, benefícios e preços dos produtos antes de comprar.

Meu truque secreto…

PicsArt_1417627941284

Eu sempre levo um envelope na bolsa, tenho no carro, pelas gavetas… a loka do lencinho anti oleosidade. Quem convive comigo provavelmente já aceitou um desses. É sentir que já passou tempo demais eu preciso checar que meu rosto continua intacto – sim rosto, por que mesmo sem maquiagem não é necessário deixa-la oleosa – principalmente quando uso base com média/alta cobertura. Odeio quando a pele vai começando a ficar oleosa e os poros vão ficando evidentes. Lencinho e lencinho!

Dica de celebridade!

mascara-facial

No meu SPA DAY eu aproveito para dedicar mais atenção nessas regiões onde exige mais cuidados. Adoro máscaras faciais – quem me segue no Instagram @irepagonis está cansada de me ver posando com elas na cútis – tenho duas receitinhas preferidas, super simples e eficientes que ajudam a acalmar a pele, controla o nível de oleosidade e melhora bastante o aspectos da zona T.

Máscaras práticas para fazer em casa no seu SPA DAY:

Indicação:

Peles com cravos e espinhas – Oleosas – Processos inflamatórios – Poros dilatados. Desintoxica e limpa a pele profundamente.

Ingredientes:

  • 3 colheres de sopa de chá verde
  • 1 colher de sopa de argila verde

Modo de fazer:

Misture o chá verde e a argila até se transformar em uma pasta. Passe a mistura no rosto e deixe por 15 minutos. Enxague com água gelada.

_________________________________________________________________________

Indicação:

Peles com descamações – Ressecadas – Sem viço – Ásperas

Ingredientes:

  • 1 colher de sopa de maisena
  • 2 colheres de sopa de água boricada (gelada) ou soro fisiológico

Modo de fazer:

Misture a maisena e a água boricada (ou o soro fisiológico) e aplique no rosto. Deixe agir por 20 minutos e em seguida lave com água gelada.

__________________________________________________________________________

E a gente tenda driblar essas situações da melhor maneira possível. Afinal, precisamos ajudar a natureza um pouquinho né?

Beijinhos de luz.

Compartilhe

Postado por:

Comentários

0

Meus TOP´s 5 Produtos para os Cabelos

Oi gente, escrevi nesse post (aqui) sobre meus 5 produtos indispensáveis para cuidados com o rosto e prometi começar uma sequencia de preferidos aqui no blog.
Hoje eu quero falar sobre meus 5 produtos amados – queridinhos – não vivo sem, para cuidados com os cabelos.
Quem me acompanha sabe que eu vivo numa luta para ter o cabelo perfeito – ou pelo menos chegar próximo a isso – fios bem cuidados, nutridos, com balanço, maleabilidade, corpo, movimento e por ai vai.. deve ser algum trauma com os bad hair day na infância.
Aqui estão minhas 5 indicações de bons produtos, testados e aprovados diversas vezes por mim – e pelas minhas cobaias de teste – que valem a pena investir e usar sem medo de ser feliz. 
Quero deixar bem claro que não ganho nada para indicar qualquer produto aqui.
1 – Óleo de reconstrução CHI – Ótimo substituto para o Moroccanoil. Deixa o cabelo soltinho, brilhoso e nutrido. Melhora o aspectos daquelas pontas espigadas. Já estou no segundo frasco e amo de paixão.

2 – Shampoo Silver Loreal – Melhor shampoo desamarelador do mundo. Não tem outro melhor.

3 – Creme de hidratação Ameixa do Boticário – Melhorar máscara hidratante nacional. Ótimo custo x beneficio. Deixa o cabelo soltinho e maleável. Perfeito para cabelos secos. Sempre recomendo as clientes e elas adoram!

4 – Máscara de tratamento Absolut Repair Loreal – Minha segunda máscara preferida do mundo, Reconstrói cabelos extremamente danificados, também ajuda em cabelos ressecados. Mas em cabelos normais, que não precise de um creme mega poderoso ele pesa nos fios!

5 – Máscara de tratamento Repair Rescue Schwarzkopf – A minha máscara preferida da vida, não vivo sem. Simplesmente perfeita. Depois que fiquei loira ela não sai de perto de mim. O cabelo derrete… fica forte e disciplinado. Minha favorita. Ótima para ser usada logo após mechas ou químicas.

Quando eu penso nos melhores produtos que eu já usei e indico sem medo do feedback, eu penso nesses cinco produtinhos que nunca podem faltar na minha prateleira. 
Não classifiquei por categorias nem nada do tipo, esses realmente fizeram valer a pena cada Real investido e cumprem bem o que prometem. Fazem o verdadeiro milagre esperado nos fios.
Ha Irene só produto importado?…
Eu realmente queria ter mais produtos nacionais e de fácil acesso para indicar aqui. Na lista só entrou apenas 1 produto nascional. Não, eu não sou rycah. Acontece que, quando eu comecei a testar produtos e pesquisar suas fórmulas ( por causa do cronograma capilar ) eu percebi que são raras as empresas que mantém a integridade dos seus componentes químicos. 
Oi? Como assim?
Todo mundo sabe como Parabenos, Petrolatos e afins são nocivos para a saúde dos fios e só saturam o cabelo… E quase não se acha produtos no mercado popular sem essas substâncias! Isso tudo para baratear o custo final ao consumidor e dar um resultado satisfatório – e ilusório – de qualidade.
Felizmente quando comecei a entender essas substâncias, resolvi aboli-las definitivamente da minha rotina. Leio cada componente nos rótulos dos produtos e rejeito mesmo!
Nos produtos mais elaborados – leia-se mais caros – existe todo um estudo por trás da fórmula, uma preocupação com a qualidade da matéria prima usada e lógico o resultado do verdadeiro tratamento.

Como eu disse antes, cada produto que entrou na lista foram testados em diversos graus de danos e em todos eles obtiveram resultados satisfatórios.

Espero que gostem! Beijos.

Compartilhe

Postado por:

Comentários

0

Midnight Recovery Concentrate Kiehl´s Review

Falei sobre o Midnight Recovery da Kiehl´s no post Meus top´s 5 produtos preferidos para o rosto mas ainda não tinha dedicado um momento especialmente para escrever sobre ele… e ele merece!
Primeiro quem nunca entrou numa loja da Kiehl´s precisa definitivamente entrar e conhecer tudo. São muitos produtos bons e charmosos. A empresa foi fundada em 1851 e inicialmente era uma farmácia e comercializava remédios homeopáticos.  Até hoje a loja tenta manter a mesma aparência de antigamente.
A empresa novaiorquina que faz parte do grupo L´oreal diz que preza a qualidade dos produtos e o investimento que seria destinado ao marketing da marca é redirecionado à pesquisas e desenvolvimentos de novos itens como também o aprimoramento dos já comercializados. Sabe o óleo de argan? já era uma das matérias primas usada pela Kiehl´s a muitos anos antes de cair na graça do público. 
A marca tem linhas para tratamentos faciais, capilares e corporais. 
Conheci a loja da Kiehl´s após sua chegada ao Recife – Shopping Rio Mar – adorei o atendimento da equipe que é super preparada para analisar e dar imediatamente um diagnóstico sobre a necessidade imediata da sua pele. Não substitui um dermatologista, hein gente!
Eles tem uns testes que medem o grau de hidratação da pele. Ex: excessivamente oleosa, ressecada, mista…
Queria levar tudo pra casa. Impossível não querer. 
Iniciei um tratamento com um ácido a base de hidroquinona e estava à procura de algo para alternar e evitar que a pele ficasse sensível demais. Então escolhi o carro chefe da marca, o Midnight Recovery Concentrate.

Ele é um olhinho concentrado, vem numa embalagem de vidro conta gotas muito fofo e promete renovar a pele enquanto dormimos. Basta duas gotinhas bem espalhadas por todo o rosto antes de dormir para acordar com uma pele de diva!
Quando a vendedora me apresentou o produto fiquei com muitas dúvidas por já ter a pele bastante oleosa, mas ela me explicou que a oleosidade não é sinônimo de hidratação e que o Midnight não influenciaria na produção das glândulas sebáceas e que era o que minha pele estava precisando naquele momento.
Comprei né! Hahaha
Estou usando nos dias que não uso o ácido. Pingo duas ou três gotinhas nos dedos e espalho por todo o rosto e a pele absorve imediatamente o produto! Deixa a pele bem macia e aveludada, sem o minimo vestígio de oleosidade ou gordura. O cheiro também é muito agradável e me lembra o cheiro de de rosas vermelhas.
Pela manhã o milagre acontece, minha pele acorda hidratada e radiante. Com uma tez iluminada e uma aparência bem saudável. A vendedora me advertiu para usa-lo com moderação para não engordurar e obstruir os poros.
Eu só tenho elogios para o Midnight Recovery, ele realmente merece está no top 5 de qualquer mulher. O investimento é um pouco alto, o produto com 30 ml custa R$ 183,00 mas dura uma vida. No final das contas, mesmo que você use todos os dias 2 gotas, dá para o tratamento de 1 ano aproximadamente!

O site da Kiehl´s tem frete grátis nas compras a partir de dois produtos. Acesse aqui.

Beijos.

Compartilhe

Postado por:

Comentários

1

Como fazer uma Reconstrução Ácida nos cabelos

Para quem gosta de cuidar sempre dos cabelos e principalmente para quem usa muita química é necessário muita reconstrução para a saúde dos fios e antes de reconstruir você deve primeiro hidratar, não se esqueça desse detalhe. A Reconstrução Ácida reduz o pH dos fios selando as cutículas deixando-os protegidos.

O pH (potencial de hidrogênio) é fundamental para saber se um cabelo está ou não saudável, ele precisa estar próximo do pH natural que é entre 4,5 e 5,5; esse valor quer dizer que o fio de cabelo está saudável. Existem diversos fatores, principalmente na rotina da mulher, que alteram o pH dos cabelos tornando-os opacos, secos, extremamente danificados e sensibilizados. Os principais fatores são o sol, água do mar, poluição, secadores sem protetor térmico nos cabelos, escovas, prendedores, químicas em geral, estresse, desequilíbrio hormonal, dentre outros.

pH Alcalino – Abre as cutículas do cabelo.
pH Ácido – Fecha as cutículas do cabelo. 
Depois dessa breve explicação sobre pH, o importante é equilibra-lo deixando-os saudáveis. Para isso vamos aprender a fazer uma reconstrução ácida.

Para fazer a Reconstrução ácida você vai precisar de: 

– Shampoo de preferência transparente ou neutro
– Condicionador 
– Meia garrafa de vinagre de maçã
– Máscara reconstrutora 
– Máscara hidratante 
– Leave-in ou creme sem enxágüe, o leave-in é bom por não deixar o cabelo pesado e gorduroso como alguns cremes para pentear deixam.

Primeiro passo: Lavar os cabelos duas vezes com shampoo para limpar bem os fios.

Seguidamente misture meia xícara de vinagre de maçã em quatro xícaras de água, não utilize toda a mistura, reserve pelo menos uns 40% dessa mistura para realizar o ultimo passo. 

Aplique em toda a extensão dos fios, da raiz às pontas, sempre massageando bem. Deixe agindo por cinco minutos e depois enxágüe.

Segundo passo: Agora você deve passar nos cabelos uma máscara reconstrutora de sua preferência e deixar agir por mais dez minutinhos e depois pode enxaguar.

Terceiro passo: Nessa etapa você vai aplicar nos cabelos a sua máscara hidratante deixando agir por dez minutos também e enxaguando em seguida.

Quarto passo: Aplique o condicionador nos cabelos, enxágue muito bem retirando todo o produto, depois você vai aplicar um pouco da água com vinagre que você reservou no primeiro passo e deixe no cabelo.

Quinto passo: Distribua bem o leave-in ou o creme de pentear nos cabelos e deixe o cabelo secar naturalmente, nada de usar secador!

O processo da Reconstrução Ácida pode ser feito a cada quinze dias especialmente para cabelos muito danificados que passaram por diversos processos químicos.

Beijos!

Compartilhe

Postado por:

Comentários

0

Óleos vegetais e suas propriedades ( umectação capilar )

Como prometi no post sobre umectação indiana, segue uma lista com os principais óleos usados para umectação capilar.


Óleo de sésamo –  Ajuda a prevenir a calvície e a caspa. É bastante oleoso e indicado para cabelos secos. Este óleo é altamente antioxidante, rico em vitaminas e minerais, e tem propriedades antibacterianas, anti-inflamatórias e antifúngicas.

Óleo de linhaça –  Rico em ácidos graxos e ômega 3 hidrata profundamente os cabelos. 

Óleo de amêndoa –  É ideal para cabelos secos e quebradiços, elimina o frizz e o volume.

Óleo de neem – O óleo de neem não é tão conhecido e, no entanto, tem propriedades muito potentes para a saúde do nosso cabelo. Este óleo contém esteróis vegetais e ácidos graxos essenciais, como o ômega 3, ômega 6 e ômega 9, assim como Azadirachtin, um limonoide que é especialmente benéfico como bactericida. O neem nos ajudará a tratar a secura, coceira, caspa, psoríase, queda de cabelo, piolhos etc.
Óleo Vegetal de abacate – Com alto teor de vitamina E, é antioxidante, inibe a formação de radicais livres e diminui o envelhecimento da pele. Estimula a síntese de colágeno, retardando o aparecimento de rugas. Reduz manchas e  quelóides. Atenua a desvitalização da pele e cabelos causados por desequilíbrio hormonal.
Óleo Vegetal de argan – O “ouro do Marrocos”. Potente ação anti-age. Composição única, protege a pele e os cabelos dos danos causados por radicais livres. Contém Esqualeno, componente da pele humana, sendo por isso facilmente absorvido. É um ultra-hidratante. Estimula a circulação do couro cabeludo, previne queda e repara o ressecamento dos cabelos. Dá brilho à pele e aos cabelos.
Óleo Vegetal de buriti – Rico em beta caroteno é um potente antioxidante. Estimula a produção de colágeno e elastina. Possui grande capacidade de nutrição e cicatrização celular, atua como um renovador natural da derme. Proporciona um toque sedoso à pele. Ideal para peles sensíveis. Usado pelos indígenas brasileiros para aliviar os efeitos desagradáveis da pele queimada pelo sol.
Óleo Vegetal de castanha – Emoliente e hidratante, rico em nutrientes como selênio e ácido oleico, substâncias essenciais nos processos de formação do tecido epitelial. Controla a desidratação da pele e cabelos deixando-os macios e brilhantes.
Óleo Vegetal de damasco – Rico em vitamina A, essencial para a vitalidade e beleza da pele. Usado pelas mulheres tibetanas para proteger o rosto dos efeitos nocivos do sol nas grandes altitudes. Extremamente fluido, penetra rapidamente a barreira cutânea tonificando e revitalizando a pele sem deixá-la oleosa. Surpreende quando usado frequentemente por reduzir manchas. É indicado para todos os tipos de pele, mas em especial para as desidratadas.
Óleo Vegetal de gergelim – Hidrata e rejuvenesce a pele. Trata pele seca, irritada e danificada, aumentando sua tonicidade e firmeza. Protege da ação de agentes exteriores como sol e vento. Excelente hidratante do couro cabeludo. Na medicina Ayurveda é usado no combate à inflamações articulares.
Óleo Vegetal de jojoba – Riquíssimo em vitamina E, costuma-se adicionar algumas gotas a outros óleos para evitar oxidação. Devido à sua rica constituição é indicado para todos os tipos de pele, inclusive as acneicas e inflamadas. Usado pelos indígenas norte-americanos  como protetor solar natural.
Óleo Vegetal de macaúba – Nutritivo, emoliente e de agradável aroma. Por seu excelente poder de absorção é recomendado para massagens e drenagem linfática. Indicado para peles sensíveis e delicadas.
Óleo Vegetal de pracaxi – Rico em vitamina E, anti-inflamatório e antisséptico natural, usado popularmente no tratamento de manchas escuras, acne, psoríase e controle de caspa, evitando a queda dos cabelos. Melhora a aparência de estrias já formadas e previne seu aparecimento na gestação e adolescência.
Óleo Vegetal de rosa mosqueta  – Mundialmente conhecido como regenerador da pele. Usado em tratamentos dermatológicos, na atenuação de cicatrizes, no envelhecimento precoce, em eczemas, psoríases, peles ressecadas, desvitalizadas e acneicas. Indica-se o uso diário para os cuidados faciais.
Óleo Vegetal de semente de uva – Combate o envelhecimento celular. Amacia e suaviza a pele, auxilia na recuperação da elasticidade dos tecidos e reduz edemas. Para todos os tipos de pele, inclusive acneicas. Indicado para Shantala: técnica de massagem para bebês.
Óleo de Cedro – Age como antiséptico, adstringente e normaliza a produção de sebo.

Óleo de Camomila – Hidrata o cabelo e proporciona brilho.

Óleo de Eucalipto – Poderoso antiséptico, e ajuda no tratamento da caspa.

Óleo de Jasmim – Utilizado pelo odor agradável.

Óleo de Lavanda  Auxilia no tratamento de coceiras e caspas no couro cabeludo.

Óleo de Limão – Refresca, revigora, melhora a elasticidade e livra o couro cabeludo de resíduos.

Óleo de Capim limão  Úteis para cabelos oleosos, desacelera a produção de óleo no couro cabeludo.

Óleo de Mirra – Úteis para cabelos secos e no tratamento de caspa.

Óleo de Laranja – Equilibra a produção de sebo.

Óleo de Patchuli  Utilizada no tratamento da caspa, principalmente de cabelos oleosos.

Óleo de Hortelã – Promove o crescimento do cabelo.

Óleo de Rosa – Suaviza o couro cabeludo e promove um cheiro agradável.

Óleo de alecrim – Promove o crescimento de cabelo e é eficaz no tratamento da caspa. NÃO É RECOMENDÁVEL PARA GESTANTES!

Óleo de Melaleuca (Tea Tree)  Antiséptico, normaliza a produção das glândulas sebáceas.

Óleo de Sândalo – Antiséptico, adstringente, anti-inflamatório, trata o couro cabeludo seco.

Óleo de Ylang-Ylang – Antiséptico, calmante, ajuda a controlar a produção de sebo e estimula o crescimento do cabelo.

Óleo de Semente de Damasco – Ótimo para cabelos secos, rico em ácidos graxos, oléico e linoléico, se espalha facilmente pela pele e cabelo.

Óleo de Rícino/Mamona – Age como um umectante, atraindo e retendo umidade para os cabelos.

Óleo de Jojoba – É semelhante ao sebo produzido no couro cabeludo, é um grande aliado para o crescimento capilar.

Óleo de Macadâmia – Age como um anti-inflamatório natural (talvez devido ao seu teor de ácido oleico). É viscoso e um ótimo hidratante capilar.

Óleo de Oliva Extra Virgem  É um ótimo condicionador para cabelos secos e ressecados e um controlador de caspa. Precisa ser 100% vegetal.

Óleo de Cártamo – Ajuda a hidratar, nutrir e reestruturar o cabelo.

Óleo de Coco  É muito eficaz no tratamento de coceiras e couro cabeludo sensíveis. Ele não obstrui os poros e é absorvido facilmente pela pele. Altamente recomendável para cabelos afro.

Óleo de Germe de Trigo  É rico em vitaminas A, D e E e é muito nutritivo para a pele.

Óleo de Cenoura  É rico em beta-caroteno, vitaminas A e E e provitamina A, equilibra a umidade da pele e hidrata os cabelos.

Compartilhe

Postado por:

Comentários

0

Umectação capilar ou banho de óleo indiano

Para quem ainda não conhece a técnica da umectação capilar, nada mais é que umedecer e enluvar os fios ao mesmo tempo que faz uma massagem no couro cabeludo com um óleo 100% vegetal. Quem segue o cronograma capilar, faz a umectação na fase de nutrição dos fios.

Mas porque usar óleo se existem cremes a base deles no mercado?
Aplicar o óleo puro e diretamente nos cabelos e couro cabeludo garante toda a integridade das suas propriedades, sem processamentos químicos. É um procedimento completamente natural!
Quais os benefícios de fazer umectação com óleos vegetais?
Repõe os nutrientes dos fios, realça o brilho, combate o ressecamento, frizz, caspa, queda, acelera o crescimento, entre outros.

Tenho cabelo oleoso, posso fazer? Não vai piorar a oleosidade?
Quem tem cabelos oleosos pode e deve fazer umectação capilar. O excesso de oleosidade e sebo acarreta vários outros problemas como a caspa, queda, coceira e impede o crescimento saudável. O óleo vegetal além de combater todos esses danos, ainda vai ajudar a equilibrar a própria produção de oleosidade no couro cabeludo.
E nos cabelos ressecados ou cacheado? Qual o resultado?
Os óleos hidratam os fios ressecados, nutrindo e dando maciez e brilho. Logo na primeira aplicação nota-se os efeitos da umectação; cabelos sem frizz e com volume controlado é um dos benefícios. Para cabelos muito danificados, recomenda-se fazer uma aplicação por semana para regenerar os fios secos e sem vida.
Como eu escolho o óleo correto pra mim?
Não existe óleo certo ou errado. O fundamental e ter a garantia que o produto usado é realmente de origem vegetal e natural; sem nenhum tipo de processamentos. Porém, uns tem propriedades diferentes de outros, como por exemplo: o óleo de ricino ou mamona é extremamente denso, por isso ele agiria com mais intensidade num cabelo extremamente ressecado. Já o óleo de coco ou o de semente de uva é mais leve e fino e é um poderoso aliado para tratamentos de problemas no couro cabeludo ( como a caspa ). Em outro post deixarei os óleos e suas propriedades.
Como eu devo fazer a umectação?
Esse é o assunto principal desse post. A maneira correta de fazer a umectação.

Antigamente, chamava-se a técnica de umectação capilar de banho de óleo. Quem nasceu de 1990 pra trás talvez lembre da mãe com os cabelos encharcados. Mas esse ritual é bem mais antigo e acredita-se ser o segredo dos cabelões das indianas. 
Primeiro você deve testar algumas diferentes maneiras para ver a qual seu cabelo se adéqua melhor. Algumas acham que aplicar o óleo nos cabelos sujos seja melhor que nos cabelos recém lavados, ou vice versa. Outras preferem nos cabelos úmidos, outras secos… Teste!
Depois de escolher um óleo de sua preferencia, comece espalhando-o nas mãos e massageado suavemente em todo o couro cabeludo até ter certeza que a pele foi totalmente umedecida. A massagem é o segredo! Não use as unhas nem movimentos bruscos, apenas massageie com as pontas dos dedos em diferentes direções por pelo menos 10 minutos e depois vá umedecendo e enluvando o comprimento e pontas do cabelo. O óleo deverá ficar no cabelo por no minimo 4 horas. Simples não é? Você também pode colocar uma touca plastica e uma de meia por cima e dormir com a umectação ( eu particularmente faço isso ).
Você sabia que essa técnica é usada até por homens na Índia e que é super comum as mulheres saírem na rua desfilando seus cabelos embebecidos em óleo? Essa tradição já dura milhares de gerações e é a responsável por cabelos longos e fortes!
Assistam esse vídeo para entenderem melhor como deve ser feita a massagem nos cabelos.

Passei o óleo, fiz a massagem, dei o tempo de pausa… e agora?
Primeiro lavar com um shampoo transparente ( mas não adstringente ou anti resíduos ). Eu gosto muito do shampoo Verbena do Boticário. Lavar uma ou duas vezes, o quanto você achar necessário para retirar todo o óleo do cabelo. Após usar um shampoo perolado e condicionador.
Não é importante passar outra máscara logo após que tira a umectação, mas também não é proibido. Melhora o resultado em cacheadas ou em cabelos ressecados que exigem um tratamento mais intenso.
Não faça escova nem chapinha no mesmo dia que fizer a umectação pois o resultado é reverso. Deixe o cabelo secar naturalmente.
Varie sempre entre os tipos de óleos, cada um tem uma propriedade especifica. Seu cabelo pode amar uns e odiar outros.

Compartilhe

Postado por:

Comentários

0

Um milagre chamado Clarissonic Review

Ouvi muito falar desse aparelho antes de resolver finalmente compra-lo. 
Li resenhas ótimas sobre as maravilhas da tecnologia do Clarissonic e seus resultados surpreendentes na pele. E gente, cada elogio sobre o dito cujo é 100% verdadeiro.
O que é o Clarissonic?
É um aparelho portátil e ultrassônico que vibra 300 vezes por minuto e  limpa profundamente a pele do rosto e corpo. Tem uma escova removível que deve ser trocada a cada três meses e com versões especificas para cada tipo individual de pele. Funciona com o carregador de bateria, nada de pilhas. 
Como devo usar?
Durante a lavagem do rosto e seu sabonete facial tradicional com movimentos circulares e delicados. Para peles secas ou mistas, deve-se usar no máximo 2x por semana para evitar o ressecamento; em peles oleosas e para tratar poros aparentes pode ser usado até 1x por dia. Mais que isso o aparelho pode deixar a pele irritada e extremamente sensível. Ele também tem um timer automático que desliga em 3 minutos, segundo a marca é o tempo ideal para a limpeza.
Qual modelo devo escolher?
O Clarissonic está disponível em quatro versões: Classic, Plus, Mia e Mia 2. A diferença entre eles está apenas nos acessórios que acompanham e nas velocidades. O modelo Classic e Mia 2 possuem duas velocidades e são indicadas para uso especifico no rosto; o Mia também é indicado para limpeza facial mas somente com uma velocidade e o Plus com três velocidades pode ser usado no rosto e corpo de acordo com a escova utilizada e a velocidade.
De ante mão, o preço do aparelho pode assustar. No Brasil o preço em lojas de importados pode chegar até R$ 1000,00 a versão Mia 2 que acompanha o aparelho, uma escova para peles sensíveis e um sabonete de limpeza facial, um carregador de bateria e um estojo protetor.
Eu escolhi a versão mais simples do aparelho, ainda por receio de não funcionar bem na minha pele. O Mia é especifico para pele do rosto e tem somente uma velocidade; acompanha uma escova para peles sensíveis, um sabonete de limpeza e o carregador. 
Assim que chegou resolvi declarar guerra ao estado horrível que estava minha pele, cheia de cravos ( aqueles pontinhos pretos e aqueles branquinhos ) na testa, nariz e queixo. Zona T com poros enormes ( que com o uso da base ficam horríveis ao ² e não tem primer que resolva ) e o excesso de oleosidade e brilho. 
Comecei a usar todos os dias no período noturno, para preparar a pele para receber o ácido prescrito pela minha dermatologista. Escolhi um sabonete mais suave para não agredi tanto a pele. E o milagre aconteceu.
Gente, eu deveria ter fotografado a minha pele antes do inicio do tratamento e agora. Exatamente 7 dias de uso diário. A diferença é de 500 % na melhora da minha pele. Já desapareceram cerca de 70% das minhas manchas de sol e algumas linhas finas que insistiam na região abaixo das olheiras. Lógico que está sendo um trabalho em parceria com o ácido, o hidratante e o aparelho. Mas antes de usar o Clarissonic, já tinha tentado um tratamento com os mesmos produtos e não teve um resultado tão rápido e eficaz.
Fiz o teste de fogo, depois de limpar a pele com desmaquilante e lavar duas vezes com uma espuma de limpeza, usei o Clarissonic com outro sabonete suave e adivinhem? Escova suja! 
Minha pele está como nunca tinha visto antes. Macia, uniforme, com poros controlados, saudável, limpa e fica linda depois da aplicação da base. Continuarei o tratamento com o ácido por mais algumas semanas para eliminar todas as manchinhas e depois continuarei com a rotina tradicional de limpar, tonificar e hidratar. 
Antes de escolher entre as versões Mia e Mia 2, levei em consideração que a diferença entre eles é a opção de uma velocidade a mais e o estojo protetor para viagem. Achei que essa diferença não valia os $100,00 a mais no preço. 
Tá, mas o Mia 2 tem duas velocidades, então ele deveria ser melhor?!
Como eu não conheço a segunda velocidade do Mia 2, não posso falar com propriedade sobre ela. Mas posso afirmar com toda certeza que a velocidade do Mia não deixou nada a desejar. Acredito que uma velocidade maior que essa possa irritar e/ou sensibilizar muito a pele.
Devo lembrar que o protetor solar é insubstituível e deve ser usado com a mesma frequência e importância com que se escova os dentes. Seja durante tratamentos com ácidos, peelings ou seja o que for. Como o Clarissonic refina a pele, a torna mais sensível obviamente e precisa ainda mais de atenção e cuidados com a exposição ao sol. 
O Clarissonic foi o melhor investimento do ano. 
Quem diz que o aparelho não funciona e que não é essa coca toda, provavelmente está usando errado!
Eu devo ter um Clarissonic?
Se você tem uma pele difícil, oleosa, com poros. cravos, manchas, grossa e qualquer outro problema deveria inserir o uso do aparelho em sua rotina de cuidados. Lembrando que as peles ressecadas e mistas devem tomar cuidado com o uso excessivo para não agravar o problema.
Beijos!

Compartilhe

Postado por:

Comentários

0

Produtos que você precisa ter para cuidados com cabelos oleosos

A cena: 

Você está desesperada com seu cabelo podrinho – mas não o podrinho Hollywood – fios pesados, oleos, sem volume… Ai você vai até um supermercado, farmácia ou lojas de produtos capilares e tem tantos produtos com propagandas milagrosas que você fica horas e acaba levando tudo ou nenhum deles para casa. 
Quem nunca?
Fiz um resumão dos melhores produtos e tudo que você precisa ter em casa para tratar com dignidade – e sem gastar rúpias em vão –  os cabelos oleosos.
Como esse também é o meu tipo de cabelo, posso falar com propriedade que para fios oleosos não há caro ou barato. Existe apenas o que limpa bem os fios sem resseca-los e os que deixam seu cabelo um ninho de pássaro.
Com a oleosidade vem outros tipos de problemas como coceira e caspa. E não precisa ter vergonha de admitir não, todas as oleosas tem, porém abafam o caso! Esses problemas também precisam ser tratados com o mesmo cuidado que todos os outros. 
Eu indico que pelo menos 2x na semana, as oleosas usem um pré shampoo esfoliante para limpar bem o couro cabeludo. Tirar o excesso de sebo, o acumulo de poluição e resíduos de outros produtos. A teoria diz que quanto mais você limpa a pele por causa do excesso de oleosidade, mais as glândulas produzem óleo. Faz todo o sentido, mas sejamos realistas; as mulheres que malham diariamente – ou que tem uma rotina corrida – não tem outra solução a não ser lava-los. 
Eu não consigo ficar 40 min na esteira, chegar em casa e não lavar a cabeça… e se eu deixar de lavar por algum motivo, no dia seguinte mesmo usando um shampoo a seco eu não aguento a coceira!
Já contei a história da minha vida aqui, vamos ao que interessa. 
Os produtos abaixo são os que eu realmente uso diariamente no meu cabelo e recomendo.

O Pré Shampoo é um tipo de esfoliação do couro cabeludo. O objetivo é remover de forma mais profunda todo o excesso de oleosidade, sebo, poluição, resíduos de outros produtos, células mortas, etc… Limpar e revigorar a pele para que os fios possam crescer fortes e evitar a queda capilar. Eles tem textura igual aos esfoliantes normais para a pele do corpo. Mas cuidado, a massagem deve ser suave e com as pontas dos dedos!

1. Eu tinha muito preconceito com a linha Seda porque todos falam que contém muito isso, muito aquilo e que detona o cabelo. Mas na primeira etapa de limpeza eu gosto dos shampoo mais fortes. O Seda é um deles, limpa até os maus pensamentos. Mas por ser tão adstringente eu parei de usar depois que fiz as luzes.

2. O Clear é para aqueles momentos desesperadores onde você passou dois dias sem lavar a cabeça e está pagando por isso. Ele está disponíveis em várias versões – e tem agentes anti coceira – tem o mentolado que refresca o couro cabeludo e agora tem a versão para cabelos com progressiva.

3. O Melissa e Alecrim do Boticário é o shampoo para ser usado quando está tudo bem. Ele não é tão agressivo quanto o Seda, nem SOS como o Clear. Ele é o recomendado para uso diário.

1. A linha Pro Series da Wella ganhou um espaço reservado no meu coração. Não contém nenhum agente do mal como parafina e petrolatos, hidrata dignamente o cabelo e tem um preço mais que amigo. Mesmo para loiras, que tem o cabelo mais poroso ele dá um help sem ficar devendo. Meu queridinho ultimamente.

2. Eu usei a máscara da Clear quando estava traumatizada com o estado oleoso do meu cabelo e tinha medo de usar qualquer outra máscara. Ela é bem consistente mas não deixa resíduos no cabelos. Uma boa opção sem dúvidas.

3. Eu não sou tão fã da linha Elseve doméstica. Mas dizem os mais intendidos do assunto que o Elseve Reparação total 5 tem a mesma fórmula que a Absolut Repar que é da linha profissional e 12x mais caro. Tem a mesma fórmula porém em concentrações menores.  Para uso diário é uma boa máscara.

Observação: Eu substituo o uso do condicionador pelo uso da máscara. Por isso gosto das medianas, nem tão ralinhas que não fazem efeito nenhum, nem as super hidratantes que fazem uma mega hidratação. Agora loira, estou optando principalmente pelas reconstrutoras para selar as cutículas dos fios e repor a massa perdida.

Atualmente estou alternando entre essas:

1. O Aussie é uma mão na roda quando se esta com pressa, em apenas 3 minutinhos o cabelo está derretido. Apesar de ser importado, já está bem popular por aqui e fácil de comprar. O preço também é camarada, varia entre R$ 30 e R$ 50 reais. Vale o investimento. Pontas nutridas e seladas.

2. A linha Platium da Bioderm também é super querida pelas loiras no querido reconstrução. Tanto o shampoo antiporosidade quanto a máscara reconstrutora são muito boas e por um preço muito bom! Reconstrói bem aquelas pontas detonadas.

3. Já fiz resenha do Dumb Blonde da Tigi aqui no blog. É aquela máscara TDB, tem cheirinho de abacaxi, rende um século e derrete o cabelo. Reconstrói os fios danificados e dá um brilho especial no cabelo. É um pouco mais difícil de encontrar, também é importada e um pouco mais cara que as duas primeiras opções. Pode ser encontrada em sites nacionais a pronta entrega ou com vendedoras de importados. I LOVE IT.

Todo mundo sabe mas vale a pena repetir que máscara de tratamento não se passa na raiz! Somente no comprimento do cabelo para não obstruir ainda mais o couro cabeludo.

Sobre os finalizadores, eu acho uma das etapas mais importantes para manter um cabelo hidratado e bonito. Não porque o cabelo é oleoso que não precise de tratamentos minha gente. Geralmente as pontas de todos os tipos de cabelo são ressecadas e precisa de uma atenção especial.

Esses são os meus três finalizadores preferidos:

1. Eu vi as blogueiras falando muito nesse óleo, que fazia maravilhas. É claro que precisava ver com meus próprios  o milagre tão falado no meu cabelo. Finalizo com os cabelos úmidos… Ponho somente uma gota e esfrego nas mãos então passo somente no comprimento dos fios. Quando o caso ta muito feio e as pontas sugam imediatamente o CHI, eu passo mais algumas gotinhas. Calma, não é por que se trata de um óleo que seu cabelo vai gritar socorro. As pontas que precisam de reconstrução vão amar!

2. O queridinho de muitas o Moroccanoil ficou por muito tempo no topos das paradas. No mesmo esquema do CHI, passo nos cabelos ainda úmidos de acordo com o grau de necessidade. O cabelo não fica pesado, ao contrario, fica leve, macio e muito hidratado. O vidro com 100 ml dura uma vida.

3. O Sealed Ends já é um creme, que também apenas uma gota nos cabelos úmidos já faz um milagre. Na verdade toda a linha Repair Rescue é maravilhosa, sou suspeita pra falar porque sou muito fã dos produtos que realmente salva um cabelo super detonado. Não se deixe enganar pelo tamanho, também rende muito.

Para finalizar, eu particularmente gosto de usar o tônico da Capicilin no couro cabeludo. Alterno entre o anti caspa e o anti queda. Mas também não uso necessariamente em todas as lavagens.

Sobre o problema de caspa e queda de cabelo, acho que merece um post especial sobre os motivos e vários tipos de tratamentos que estão disponíveis no mercado.

Beijos!

Compartilhe

Postado por:

Comentários

0

Review The Face Shop Volcanic Clay Blackhead Heating Gel Mask

Tags: ,

Quando eu me deparei com a vitrine da The Face Shop minhas células deram minis pulinhos de alegria. Produtos com pegadas naturais tem um lugar especial no meu coração, ever.
Argilas, água termal, máscaras faciais com extratos naturais e por ai vai…
Entrei para conferir – e arrebatar algo milagroso que me oferecesse juventude eterna – não conhecia a marca e confesso que entrei na loja porque achei o nome bem sugestivo, achei alguns produtos interessantes como era de se esperar.
A loja é especializada em produtos faciais e tem desde linhas anti idades, maquiagens e produtos para cuidados especiais.
Como estou na guerra contra os pontinhos pretos no nariz ( cravos ), escolhi uma máscara derivada da lama dos vulcões da Nova Zelândia. 

Foi descoberto uma lama quente nos vulcões de Nova Zelância que é o melhor tira cravos que existe no mundo. Um dos agentes dessa lama, que é um dos componentes contidos nessa máscara, tem a função de clarear os poros.  

Modo de usar: Depois de lavar o rosto, com um sabonete facial de sua preferência e ter passado um tônico no rosto. Aplique a máscara na área que tem mais cravos – nome técnico: comedões – claros ou escuros. Aguarde a máscara secar, pode levar de 10 a 15 minutos e retire. Se houve dificuldade em retirar a máscara com os dedos, ela pode ser retirada com água morna. Lembrando de evitar a área dos olhos e da boca quando for aplicar a máscara. 

Cheguei louca para testar a eficiência da máscara e ver saindo de uma vez por todas aqueles cravinhos chatos que insistem em aparecer no cantinho do meu nariz, não posso ver um espelho que estou lá apertando tudo e ficando com nariz vermelho!
Depois de limpar a pele apliquei a máscara em todo o nariz puxei também para as laterais em direção as maçãs do rosto. A consistência do produto é meio estranha, ela é viscosa, tipo aquela cola branca escolar que quando gruda na pele tem que ficar puxando os fiapos para conseguir remover tudo. Deve ser passada imediatamente logo que sai da embalagem porque endurece muito rápido. 
Esperei até secar e fui puxando com cuidado. Para minha surpresa, toda aquela gosma saiu inteira! Sem dificuldade nenhuma.
Fui pesquisar sobre a marca The Face Shop. A empresa é de origem Coreana e tem lojas espalhadas por todo o mundo com preços bem acessíveis. Conheça o site e mais produtos da marca clicando AQUI.

Raio X

O que é: Máscara facial removedora de cravos – The Face Shop.
Cheiro: Suave. Me lembra argila branca.
Densidade: Viscosa. Pegajosa.
Resultado pessoal: Não removeu 100% dos meu cravos.
Pós: Prático de usar. Rico em vitaminas e minerais. 
Contras: Não está a venda no Brasil.
Preço: Paguei na Arábia Saudita, cerca de R$ 30.
Compraria novamente? Não, mesmo rico em propriedades benéficas. Outras máscaras removem melhor meu cravinhos. 

Compartilhe

Postado por:

Comentários

2
1 2